30/01/2011

1000 (próximos) lugares

Como meu primeiro post oficial, gostaria de compartilhar uma dica de livro. Nessas férias, passei alguns dias na casa da minha tia. Lá, me deparei com um livro grosso de nome “1000 Lugares Para Conhecer Antes de Morrer”, da autora Patricia Schultz. Nesse livro são encontrados lugares de todas as partes do mundo: de norte a sul, de leste a oeste. Calmos e agitados, urbanos e rurais. Quando comecei a folheá-lo, minha mente pareceu encontrar-se nesses lugares. Me deu uma vontade ainda maior de fazer uma grande viagem, conhecer o mundo de uma vez só. Uma espécie de “volta ao mundo em 80 dias”, não viajando necessariamente em um balão. Uma viagem em que eu pudesse me encontrar, conhecer o verdadeiro significado da vida. O problema é o tempo e o dinheiro. Eu não precisaria ficar nos melhores hotéis, jantar em luxuosos restaurantes. Mas mesmo assim, as passagens de avião são caras. A idéia do balão poderia ser até considerável...
1000 lugares, 1000 lugares. Para mim, faltam 998, mas quero voltar à Disney e à South Beach, o que me traz novamente ao ponto de partida. Pelas minhas contas, se eu conhecer 20 lugares por ano, em 50 anos terei conhecido os 1000 lugares. Então estarei completamente feliz e realizada. Enfim poderei morrer.
Os 10 primeiro lugares que eu quero conhecer podem até ser clichês, mas parecem ser os mais bonitos e incríveis. Paris, New York, Dubai, Lençóis Maranhenses, Sydney, Londres, Cidade do México, Pequim, Pirâmides do Egito e Havana.
Então, essa foi minha dica de livro. Eu chamaria de “guia dos sonhos”. Pelo menos para mim é. Até mais, beijos beijos.

Over the rainbow, so high.

"Come on baby, we ain’t gonna live forever. Let me show you all the things that we could do”. Não há música que retrate melhor o que eu penso e sinto do que 4ever, das The Veronicas. Meu objetivo é viver da melhor maneira possível. Quem não quer, afinal? O maior sonho que tenho é viajar para todos os lugares possíveis, em todos os continentes. Conhecer muitas culturas diferentes e aprender muitas coisas com elas. O mundo é tão grande, tão magnífico. Não me imagino morando no mesmo lugar por muito tempo. Nasci em 1995, em Santa Catarina. Gosto de moda, sou viciada em chocolate, costumo costurar minhas próprias roupas, sou apaixonada por qualquer tipo de fotografia, não formo uma opinião sem antes olhar todos os pontos de vista, beleza exótica me fascina. Meu guarda-roupa não é definido: gosto de elementos de vários estilos e geralmente os misturo para resultar em algo novo. Inovar, inovar, inovar!
Sou extrovertida e introvertida ao mesmo tempo. A parte de mim que é extrovertida só meus amigos mais íntimos conhecem. Quando estou com estranhos e colegas, sou tímida. Controvérsia poderia me definir.
Espero que gostem do blog. Minha querida professora de inglês, Alana, que me encorajou a fazê-lo. Então, até o próximo post.