28/02/2013

Os melhores DIY's de pulseira da internet!


Antes de tudo, venho avisar pra vocês que amanhã é o último dia pra participar da Batalha de Looks! Corre antes que acabe o tempo!

Se tem uma coisa que eu amo dos projetos de "Do It Yourself" é poder responder "fui eu que fiz!" quando elogiam ou perguntam "onde você comprou tal peça?". Só o fato de planejar o que criar e reservar um tempinho para fazer também acaba sendo até meio terapêutico no final das contas! O que eu mais gosto de fazer são pulseirinhas, já que os materiais são bem fáceis de encontrar e o que não faltam são modelos para copiar por aí! Separei 13 DIY's de pulseiras que achei na internet, desde as mais simples até as mais elaboradinhas. Olhem só:
  
1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - 9 - 10




Pra fazer essas pulseirinhas de couro, é super fácil! Vocês só vão precisar de um pedaço de couro, spikes, dois terminais, argolinhas e fecho.



Olha que legal um mix com essas pulseirinhas de pingente! É só fazer um nozinho com um cordão em cada um dos lados do pingente e pronto.



Essas pulseirinhas de miçanga me lembram muito as que eu fazia na minha infância! Escolha miçangas iguais ou misture aquelas de diferentes materiais.


E vocês, conhecem algum outro tutorial?


27/02/2013

Como usar: creepers


Depois dos sneakers, outro calçado chegou como tendência para dividir opiniões por onde passa: os creepers. Criados para serem usados por soldados na Segunda Guerra Mundial, os creepers começaram a fazer parte do mundo da moda nos anos 50 a partir dos integrantes da banda inglesa Teddy Boys. Décadas mais tarde, o calçado já fazia sucesso entre punks e góticos e tornava os looks destes super modernos e ousados.

Agora, os creepers voltam com tudo para essa temporada de outono/inverno! Eles foram remodelados e várias marcas já apostaram em modelos para que nós, brasileiras, também possamos desfrutar dessa tendência. Uebaaa!

Mas então, como usar esse calçado mais pesado sem deixar o look over? Já que ele tem uma pegada meio masculina, a dica é investir em opções mais femininas para equilibrar o visual. E se engana quem pensa que os creepers só podem ser usados em looks rocker! Eles podem servir justamente para dar aquele toque jovem e diferente em produções mais clássicas, básicas e de diversos outros estilos.








E vocês, o que acham desse calçado polêmico? Amam ou odeiam??



25/02/2013

Sorteio com a loja A Fine Mess!

Vocês gostam de sorteio, meninas?? Eu amo quando encontro um nos blogs que visito e tava louca para fazer um aqui há bastante tempo! Se tudo der certo, vocês verão várias oportunidades de ganhar presentinhos com o decorrer do tempo ;)

O sorteio de hoje é em parceria com a A Fine Mess, uma loja que vende camisetas, regatas e vestidos super fofos e com modelagens soltinhas. E olha que legal: as estampas, seguindo as tendências da moda, trazem desenhos exclusivos e que são feitos por ilustradores e artistas! Vejam algumas peças da loja:  




E... tcham, tcham, tcham, tcham! Adivinhem qual será a peça sorteada aqui no blog!! Quem chutou alguma com estampa étnica, acertou! 



Adorei esse modelo quando vi no site e uma de vocês pode ganhar! Pena que a blogueira aqui não pode participar hahah :/

Vamos às regras?

1. Curtir a página do blog no Facebook (clique aqui)
2. Curtir a página da A Fine Mess no Facebook (clique aqui)
3. Seguir o blog publicamente (na caixinha à direita)
4. Preencher o formulário abaixo
5. Vocês podem se inscrever até o dia 10/03.


Fácil, não? Lembrando que só ganhará quem tiver seguido todos os passos!
Boa sorte!



Dicas de maquiagens acessíveis


Olá meninas! Segundo a pesquisa feita aqui no Cherry Tale, vocês andam a fim de economizar a grana no make, certo? Muitas pediram dicas de maquiagens acessíveis, e quando digo acessíveis não me refiro somente ao preço, mas também à facilidade em encontrá-las para comprar aí na sua cidade. Porque ninguém merece quando você acha uma marca incrível de make, mas que para comprar precisa de três cartões internacionais, dois meses para chegar no seu endereço e ainda o risco de ser a "sortuda" a ser taxada pela importação.

Bom, amigas, vocês fizeram o pedido a pessoa certa. Dificilmente gasto muito dinheiro em maquiagens, mesmo assim compro muita coisa, todo mês “alimento o vício” (rs). O mercado nacional de make up tem melhorado muito, e nós só temos a comemorar.

Mas então vamos ao que interessa:

"Como e onde comprar maquiagens de qualidade por um preço baixo?"



Para começar, tenho duas dicas para vocês: testar e ler resenhas.

Não tenha preconceito de comprar aquele batom que você amou a cor, só porque ele custa menos de R$10. A vantagem em testar produtos baratinhos é que o prejuízo nunca será muito alto, caso você não goste do produto.
Ler resenhas também ajuda muito. A maioria das marcas mais conhecidas têm resenhas aos montes espalhadas pela internet. Não custa nada dar um Google no produto que você está de olho e conferir a opinião de quem já testou.



Outra coisa importantíssima que devo alertar vocês é quanto à alergia.
Algumas pessoas possuem a pele mais sensível, e estas devem estar muito atentas. Eu nunca tive problema nenhum, e também não pense que só porque uma marca é mais barata irá danificar sua pele. Procure sempre pelo selo da ANVISA! (todas as marcas citadas aqui possuem)



No mais, minhas marcas preferidas de maquiagem barata são Avon e Vult. A Avon, apesar de não ser nacional, é encontrada com facilidade para comprar no Brasil. Tenho certeza que você tem uma vizinha, amiga ou parente revendedora. A Vult ganhou um espaço grande de uns dois anos para cá. Tem investido e melhorado muito seus produtos a cada dia, sempre mantendo o preço justo. Nunca me decepcionei com nenhum produto desta marca.
Mas existem muitas outras no mercado: Natura, Koloss, Maybelline, Jasmyne, O Boticário...



E tire de sua cabeça que o mais caro é sempre melhor, isso é uma grande mentira. O primer para rosto da Vult, por exemplo, é muito melhor que o da Contém 1g, e a diferença é de R$30 entre eles.



Então, é isso, vasculhem as lojinhas de cosméticos, explorem as farmácias e conheçam as lojas virtuais que, muitas vezes, valem a pena.
Todos os produtos que mostrei ao longo do post já testei e recomendo.
Espero que tenha ajudado vocês, e deixem as dúvidas nos comentários!



24/02/2013

Entrevistando: Barbara Zanella


Oie meninas, como vocês estão?? Hoje tem estréia de tag aqui no blog: a entrevistando. Como eu sei que várias de vocês curtem assuntos relacionados ao mundo da moda, a proposta é justamente saber um pouquinho mais sobre quem também ama e vive desse ramo. Espero que curtam!

A entrevistada do dia é a Barbara Zanella (minha xará!). Ela tem 24 anos, mora em Joinville/SC e é formada em moda pela UNERJ (atual PUC de Jaraguá do Sul). Depois de ficar conhecida na internet pelos seus looks super fofos e de estilo vintage (olha o Lookbook dela aqui), a Barbara criou um brechó virtual chamado Dress Like a Nerd. Confiram a entrevista:



The Cherry Tale: Pelos seus looks, a gente pode perceber que você possui uma veia fashionista. A moda sempre esteve presente na sua vida?
Bárbara Zanella: Não, foi um interesse que partiu de mim quando estava no ensino médio. Ninguém da minha familia trabalha com moda, mas escolhi o curso porque na época já gostava muito de fotografia. Depois, durante o curso, me interessei também por ilustração, produção de moda, estética... E fui aos poucos estudando e conhecendo um universo totalmente novo, do qual me apaixonei e hoje faz parte da minha vida por completo.


The Cherry Tale: Você acha que o brasileiro ainda é meio "mente fechada" pra pessoas que seguem um estilo diferente ou essa concepção está mudando?
Bárbara Zanella: O Brasil é um país muito grande, então não podemos generalizar. O interior é muito diferente das grandes capitais. Acredito que em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba, se você frequenta os lugares certos, você encontra pessoas incríveis com estilos muito diferentes, em perfeita harmonia. Mas são locais e cidades que já vivem um padrão globalizado, entre pessoas que trabalham com inovação. Fora desses meios ainda é um pouco complicado.




The Cherry Tale: Qual é a peça favorita e a curinga do seu guarda-roupa?
Bárbara Zanella: A favorita é um blazer de jeans escuro encerado, a curinga é a calça jeans burgundy.


The Cherry Tale: Como surgiu a ideia de montar a Dress Like A Nerd?
Bárbara Zanella: Eu comecei vendendo minhas próprias roupas que tinha enjoado para levantar uma grana extra. Depois vi que poderia dar certo se encontrasse mais formas de garimpar peças legais, e se expandisse as vendas para todo o Brasil através da internet. E mais que isso, que poderia ter a minha própria marca com um conceito próprio.


The Cherry Tale: Pode-se dizer que você se inspira no seu estilo pessoal para escolher as peças da loja?
Bárbara Zanella: Sim, com certeza. Também me baseio em tendências, mas a essência da Dress tem tudo a ver comigo. Me sinto mais segura dessa forma, e já é bastante comum isso acontecer entre os estilistas. A marca Alexandre Herchcovitch, por exemplo, além de levar o nome dele, possui a identidade do criador. Isto torna o trabalho muito mais sólido.




The Cherry Tale: Que conselho você pode dar para as meninas que pretendem se destacar na internet, seja através de blog ou do próprio Lookbook? 
Bárbara Zanella: Temos que focar em três pontos: disciplina, ter um diferencial (ou um estilo próprio marcante) e fazer fotos de qualidade. E mesmo assim é difícil, pois a concorrência é muito grande e a verdade é que não existe fórmula secreta. Tem muita porcaria fazendo sucesso no Brasil e ninguém sabe explicar o porquê. Mas uma coisa que sempre fiz foi valorizar opiniões de estrangeiros, não por anti-patriotismo, mas por ser realista e admitir que ainda somos um país de terceiro mundo. A bagagem estética de um europeu, por exemplo, é imensamente maior que a nossa. Não podemos desmerecer nossa cultura, muito pelo contrário, devemos valorizá-la. Mas ao mesmo tempo precisamos estar cientes de que santo de casa não faz milagre.


Gostaram da Bárbara e da entrevista? Quem vocês querem ver no próximo "entrevistando"?



23/02/2013

Look do dia: franjas


E aí girlsss! Antes de tudo, quero lembrá-las que essa é a última semana para participar da batalha de looks! Se você não mandou sua fotinho, corre que ainda dá tempo! Tem mais informações nesse link.

Well, well, well, vamos continuar o post! Nesse look, eu super abusei das franjas: tem tanto na bolsa quanto nos sneakers! Pra equilibrar com o ar hippie/boho das franjas, escolhi o bustier/top cropped de bolinhas que eu mesma fiz (é só colocar alças e dispensar o bojo desse tutorial). Já que o top tende a mostrar bastante a barriga (e, em alguns casos, a deixar o look "vulgar"), o truque é usar uma saia mais alta para cobrir o umbigo. Completei com alguns acessórios e... look feito!



Bustier de bolinhas: DIY
Saia: DIY
Sneaker de salto com franjas: Mulher Arrazo
Bolsa de franjas: C&A
Colar coruja: Boutique 96


Curtiram o look? Vocês também são apaixonadas por franjas como eu??



22/02/2013

Curinga do guarda-roupa: shortinho jeans


Entra ano, sai ano, e os shortinhos jeans continuam fazendo sucesso e desempenhando um papel de "tem que ter" no nosso guarda-roupa. O que faz com que eles sejam tão usados e tenham virado queridinhos das fashionistas é justamente essa combinação de estilo + versatilidade + conforto, características que, convenhamos, não são tão comuns em uma peça só. E qual mulher que não tem pelo menos um no armário? Aposto que até a Blair de GG deve ter algum escondido no meio daquele closet cheio de peças lady like :P 

Por serem fáceis de combinar, os shortinhos não seguem uma regra específica de "como usar". Eles podem montar looks casuais, de trabalho, de balada e, com meia calça e sobreposições de casacos, até ajudam na composição de looks para o inverno. 

Vejam alguns modelos de shortinhos jeans e se inspirem nos looks que eu separei:


O modelo destroyed é o jeans da temporada! Ele pode seguir numa linha todo rasgado ou ter apenas alguns detalhes "surradinhos", como na barra ou perto dos bolsos. Invista em outras peças mais despojadas ou, se não quiser montar um look "rockinho" (já que o modelo induz a isso), opte por complementos mais sofisticados. O resultado fica equilibrado, sem deixar o estilo de lado!



O jeans boyfriend veio direto do guarda-roupa masculino e já virou sinônimo de conforto e modernidade. Várias celebridades se mostraram adeptas desse modelo e provaram que dá, sim, pra ficar antenada e continuar feminina! O segredo é fácil: basta combinar o shorts com a parte de cima mais girlie e/ou justinha.



Meu modelo favorito de todos! Impossível não se apaixonar por esse shorts estilo retrô que, além de lindo,  é sofisticado e dá a impressão de que suas pernas são mais longas. A dica é optar por aquela velha regra do larguinho + justinho. Por exemplo, se o shorts for larguinho, invista numa parte de cima mais apertadinha e vice-versa.



Para combinar com a estação mais alegre de todas, invista no jeans colorido! Seja na forma de tie dye, em tons pasteis ou até nos modelos neóns: o que vale é dar uma graça diferente no look. Se não quiser ficar com cara de "Restart", prefira deixar o shorts colorido como ponto principal e opte por outras peças mais neutras.


Qual é o modelo de shortinho jeans preferido de vocês?



21/02/2013

Vídeo: meus acessórios favoritos


E aí girlsss! Aproveitei minha última semana de férias (snif!) pra arranjar um tempinho e poder gravar mais um vídeo aqui pro blog. Escolhi mostrar os dez acessórios que eu mais uso e que são meus xodozinhos na hora de completar e até dar um toque a mais num look. Espero que curtam!




Links dos tutoriais:
Brinco pena 1
Brinco pena 2
Faixa-turbante
Pulseira de spikes


Curtiram o vídeo, meninas? Comentem sugerindo outros temas aqui!



20/02/2013

Decorando com mapas!


Antes de começar o assunto do post, quero agradecer MUITO a vocês que estão respondendo o formulário do blog! Quem ainda não participou, corre lá que é rapidinho! (:

Já dei uma olhada geral nas sugestões que recebi e notei que o assunto de decoração é um dos que as leitoras mais sentem falta por aqui, né? Não sou uma expert do tema, mas prometo tentar me informar para trazer um conteúdo maior para o blog!

A dica de hoje serve para aquelas que querem enfeitar a parede do quarto sem gastar muito. Que tal decorar com mapas? Se você ama viajar e sonha em conhecer o mundo (somos duas!), olhar uma mapa na parede todos os dias vai te inspirar a buscar seus objetivos! Já vi várias fotos na internet (lê-se no We Heart It e Tumblr, haha) com mapas em diferentes partes do quarto: atrás da cama, na escrivaninha, perto das fotos... Ou seja, espaço é o que não vai faltar! 



Bateu aquela vontade de pendurar um mapa no seu quarto, mas você não sabe onde comprar? Calma, que eu te ajudo! Separei alguns mapas da internet que variam desde modelos vintage até os mais modernos, tanto de adesivo como pôster:

1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6


Eu já comprei um e coloquei no meu quarto! Logo vai ter DIY ;)