31/05/2014

Playlist: sunshine



Tem playlist nova no ar! Apesar de eu não ter conhecido bandas ou cantores diferentes recentemente, dei uma bisbilhotada no meu celular e percebi que tinham muuuuitas músicas que, apesar de "fazer meu estilo", nunca tinham sido devidamente valorizadas por mim (quem nunca?? hahaha). 

E eu selecionei algumas delas pra vocês na playlist de hoje (= (Damone foi minha principal "redescoberta". Tão... nostálgico)

Espero que curtam!



29/05/2014

Inspiração: moletons e suéteres


E parece que o frio finalmente resolveu dar as caras por aqui, né?? Eu, como não sou lá muito fã desse clima, busco sempre vestir roupas com toque confortável e quentinhas pra me sentir bem e não odiar tanto as baixas temperaturas kkkk. 

É a partir dessa lógica de conforto + beleza que a blusa de moletom e os suéteres viraram tão populares e hoje são itens obrigatórios no nosso armário. Além disso, as duas peças também são super versáteis: elas podem ser usadas com calças, saias, shorts e leggings, tanto no dia a dia quanto pra sair. O que vai diferenciar seu look dia pro look noite é a composição de acessórios e a escolha da maquiagem!

Para um look despojado e casual para o dia, por exemplo, tecidos como o jeans, estampas e tênis são muito bem vindos. Já para ocasiões noturnas, boas escolhas são os suéteres com outros itens em tons neutros, botinhas, sapatilhas e materiais como o couro, paetê e com aplicações tipo tachas.









Como não amar os moletons e suéteres, ein!? Elas tão na minha lista top10 de itens essenciais s2
E vocês, meninas, também curtem essas duas peças??



27/05/2014

Look: âncoras


Oláa, meninas! Como eu tô entulhada de coisas pra fazer (#vemférias!), o post de hoje é super rapidinho, hehehe (e ah, sorry pelo meu sumiço do blog por esses dias... Prometo que estou tentando me agendar melhor!). Recebi uma alpargata de âncoras muuuito amorzinha da Opposite e aproveitei para usá-la ontem, num dia que pareceu ser um dos últimos antes do frio (ele resolveu chegar mais cedo esse ano por aqui... blé). ): 
No restante do look, optei por peças neutras e casuais pra combinar com a proposta da alpargata. Usei meu blusão cinza mesclado (amo ele demaisss, principalmente por causa do decote abertinho, que deixa os ombros à mostra), shorts preto larguinho de um material que imita o couro, mochilinha "nude" (ou backpack, como o pessoal de fora chama) e meus inseparáveis brincos meio ciganinha/praia (=
Espero que curtam!







Blusão: Choies
Shorts: Oasap
Alpargatas: Opposite
Mochilinha: Primark



24/05/2014

Resultado do sorteio em parceria com a Opposite Calçados!



Ebaaaa, finalmente vai sair o resultado do sorteio de uma alpargata em parceria com a Opposite Calçados! Vi que vocês curtiram bastante o tema dele, né?? Tanto que foi o sorteio com mais inscrições da história do blog =D Muito obrigada a todas que participaram!

E agora, quem será que foi a sortuda que vai ganhar esse prêmio lindo?? Tchâm tchâm tchâm tchâm......




Elizabeth Soledad! Parabéeeens! Vou entrar em contato com a ganhadora por e-mail e face, portanto, se você for a Elizabeth, fique ligada :D




22/05/2014

O que eu aprendi




Há tempos eu não escrevia um texto. Quer dizer, eu fazia muitos no ano passado pra aula de redação e continuo escrevendo pro blog e trabalhos de faculdade, mas um texto de verdade, desses de bobeira e que vêm da alma, já viraram raridade na minha rotina.

Então, hoje, criei coragem. Já aviso que pode ser decepcionante, em razão da minha falta de prática e habilidade. Mas, tudo bem, porque quem não arrisca, não petisca. E essa é só uma das (várias) lições que aprendi ao longo desses anos.  

Assim que vim para Florianópolis sozinha para estudar, sabia que minha vida ia mudar muito. Não só em relação ao ambiente ou à faculdade, mas também na minha mentalidade e maneira de encarar o mundo. Eu sinto que a vida está me fazendo moldar uma identidade cada vez mais... própria. Isso é tão estranho e incrível ao mesmo tempo que me dá vontade de sair gritando e dizendo por aí "eu me achei! Eu finalmente me achei!". Mudei meu cabelo, dei uma reformulada no meu estilo, larguei mão de alguns hábitos e aprendi coisas de dona de casa. Não tenho mais medo de firmar uma imagem e personalidades renovadas e isso me faz bem.

Também perdi a mania de me importar com a opinião dos outros. Tudo bem, não vou sair na rua com uma melancia na cabeça cantando Macarena. A questão é que não vejo mais a necessidade de me encaixar em "grupinhos" ou fazer o que os outros gostam só para ser aceita. Na quinta série, eu era vista como nerd e isso me irritava num nível absurdo. Hoje, parecer "estranha" já não é mais problema. Falo alto mesmo, canto, rio de tudo, fico vermelha de vergonha e não vejo problema em expressar minha opinião. Continuo tímida, mas isso faz parte de mim e não tenho como fugir. No final, são essas coisinhas pequenas que nos definem e nos fazem ser únicos em meio a tantas pessoas que só buscam a "perfeição" (se é lá que ela existe). 

E sabe aquela quinta série que acabei de falar? Só depois de um tempo que pude perceber que as amizades de lá, as quais mantenho até hoje, valeram muito mais do que uma popularidade momentânea. Elas também fizeram com que eu selecionasse para meu convívio gente de bem com a vida, de riso fácil e sincero, que não se aproximam por interesse, com bom caráter, que estão sempre prontos para ajudar e que te aceitam como você é. É aquela velha história dos "poucos e bons amigos" que os filmes e livros sempre tentaram ensinar, mas que você nunca dá bola até quebrar a cara. Ou quando, mesmo estando rodeada de pessoas, ainda se sentir sozinha.

Agora, numa era em que as horas voam e que não se tem tempo pra mais nada, passei a amar muito mais minha família, meus amigos, minha terra natal e o mundo. Sou muito grata por eles terem me ensinado a valorizar as coisas simples da vida e gosto desse jeito meio "Amelie Poulain" de ser. Amo o cheiro da chuva, amo as borboletas voando ao redor das flores em um dia ensolarado, amo o cheirinho da comida que aprendi a preparar, amo a expressão das pessoas ao dar uma notícia boa, amo o abraço dos meus pais depois de sair do ônibus, amo usar uma roupa pela primeira vez, amo acordar num dia sem nada programado, amo amar.

E, como a maioria das pessoas que "cresceram", terei de conviver com a nostalgia e com o querer voltar à infância. Mas, não perco as esperanças de que aqueles sonhos do passado ainda terão seus lugares garantidos na minha história.

O que eu busco hoje é diferente do que eu buscava há um ano e fico bem por isso. O que eu busco hoje é só felicidade.



20/05/2014

Look: are we human or are we dancer?


Oláaaa, meninas! Como vocês estão?? 
Bommm, sábado passado dei uma saidinha aqui em floripa e tive que improvisar (de novo) um tripé pra conseguir bater fotos sozinha kkk (manhêeee, fikdik de presente hehe). 
Como o dia tava uma mistura de frio com calor, escolhi um look meio "camaleoa" pra poder dançar à vontade e não sofrer com as variações climatológicas hahaha. 
Então, usei saia de couro preta, camisa de chiffon não-tão-básica-assim (ela tem umas pedrarias na gola rs), jaquetinha tipo bomber estampada (amoooo essa estampa meio vintage/indiana dela s2), botinhas e bolsa de lado preta (foi rápido pra explicar, mas bem demorado pra criar... #sddsinspiração #queromaisroupas kkk)

É isso. Espero que curtam :D








Jaqueta estampada: Choies
Camisa de chiffon: SheInside
Botinha: Via Marte
Bolsa: Oasap
Saia de couro: SheInside



18/05/2014

Viagem para São Paulo - Moda Documenta


Oláaa, lindezas!! Quem me acompanha no insta (segue lá! @barbarakohls) deve ter visto algumas fotos que postei semana passada em São Paulo, hehe. Fui com a minha turma da faculdade participar de um evento de moda chamado Moda Documenta e aproveitamos para fazer um passeio pela cidade (= 

Na quarta-feira, visitamos o Museu da Língua Portuguesa e ai... que lugar incrível! Além de contar a história da nossa língua, também podemos mergulhar em muita cultura, com poemas espalhados pelo local e algumas lindas exposições de arte (para render muitas fotos hahaha s2).







Fiquei apaixonada por essa pintura meio pop art de um dos prédios de lá!

Na Oca do Ibirapuera, um dos locais que o evento ocorreu, teve uma obra da exposição que tava rolando que eu amei demais! Ela é feita de canudos (sim!) e, com as luzes, dá um efeito super surreal e incrível! Só esqueci de anotar o nome do(a) artista pra falar pra vocês :/ 




Já na quinta-feira, usamos o tempo livre para fazer comprinhas na 25 de março. Eu nunca tinha ido lá e fiquei babando nos preços! Comprei algumas coisinhas, mas queria ter tido mais tempo pra poder olhar com calma ):

Dois colares que comprei por R$5 cada.


Bolsa básica/de todo dia pra usar na faculdade. Paguei R$28 nela.


Fiquei apaixonada por esse poncho de tricô! Eu amo coisas exóticas e diferentes e não vejo a hora de estar bem friozinho pra usá-lo. Foi R$30.


Anéis lindos dá promoção do tipo "leve 5, pague R$10" kkkkk.


E duas capinhas básicas pro meu iPhone. Eu já tive algumas capinhas coloridas e super enfeitadas, mas sabe quando você enjoa e só quer uma coisa clean? (boatos de que estou ficando velha hahaha). O preço foi R$15 nas duas juntas. 


De tarde, pegamos o metrô e fomos pro bairro mais fofo ever: a Liberdade. Eu fiquei encantada com o jeitinho de lá, tão aconchegante, tão "não São Paulo" kkkk.
Comi o melhor frozen da minha vida, de jabuticaba, num lugar chamado Yoguti (oin!). Detalhe do meu boné de Ash do Pokemón hahaha (presente pro meu irmão fofolindo).



Comprei esse case de óculos pra minha mãe. Muito fofoooo.


Meu mundo parou quando vi esse anel de máscara!! Acho que é o anel mais maravilhoso/diferente/TDB que já vi na vida! Apenas "uau" pra ele (e foi só R$8!!!).



E essa cropped foi minha única compra da Forever 21 do Morumbi kkkk. Confesso que esperava bem mais da loja de lá pela propaganda que estavam fazendo, mas né... Fazê u quê.


E aíii, gostaram das fotos e das comprinhas?? Quem de vocês é de SP??



16/05/2014

6 DIY's de maio!



Óinnnn! Me perguntando se existe forma mais fofa de começar um post do que com a foto acima! Tão cute!

Mas então meninassss, quem aí colocou os DIY's do mês passado em prática?? Se a preguiça/falta de tempo falou mais alto (quem nunca?), que tal tentar outras sugestões para usar com materiais que vocês tem em casa? Restaurar uma peça (e até mesmo criar) é delicioso e nos deixa tão, tão orgulhosas! E funciona como terapia também :P

Separei 6 DIY's que achei na internet pra vocês se inspirarem! Espero que curtam, hehe.
Para conferir um DIY, é só clicar no respectivo número abaixo das imagens.




1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6